Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

http://cisosemjuizo.blogs.sapo.pt

"Louco? Loucos são os Loucos que me chamam Louco mas que não conseguem ver a genialidade da minha Loucura!"

http://cisosemjuizo.blogs.sapo.pt

"Louco? Loucos são os Loucos que me chamam Louco mas que não conseguem ver a genialidade da minha Loucura!"

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Odeio

por Narciso Santos, em 17.07.19

Por vezes, perguntam o que é isso quando digo "escolhes aquilo que queres ser" ou outra frase parecida… 
Neste meu caso, posso afirmar que "Eu sou uma pessoa que odeia"! O que é que isto tem de mal?...Nada! Não tem nada de mal! Eu (ou qualquer outra pessoa) odeia, porque "escolheu ser assim", neste momento do agora. Assim como há pessoas que escolhem ser "pessoas que amam"... 
Acho que ...não há nada de extraordinário nisto, e todos percebemos isto.
O que, da minha parte, posso acrescentar é também simples. 
Somos livres para escolher a nossa maneira de estar na vida! Tu amas, estás dependente desse amor, não consegues esquecê-lo, precisas desse amor… 
Como pessoa, como ser humano, não te afirmas como manifestação livre e plena, bela e entusiasmante, dona dum "mundo" para se expandir e empolgar e gozar...
Mas, o que escolhes "é aquilo que tu és"! Disso não poderás duvidar… nem poderás fugir… enquanto assim o desejares. 
Odeia e ama, ama e odeia! 
Mas, faz um favor a ti mesmo: por um instante, "olha" para dentro de ti, na quietude do teu quarto, da tua cama, e pergunta-te se é "isso" que melhor serve o "Amor" que és! 
Se "sentires" que a resposta é "o que estás a ser", tudo bem, continua! 
Mas... se sentires "que, no fundo, não é isso que te faz bem", então... impõe-Te e Sê "outra versão de ti"! Uma que seja mais plena e grandiosa! 
É essa que te conduzirá à felicidade desejada!...
Prefiro usar a frase: odeio-te porque te amo...


Escolhas!

por Narciso Santos, em 16.07.19

Inúmeras situações no mundo resultam das escolhas que fazemos. Haverá momentos em que nos sentiremos impelidos ao revide. Entretanto, poderemos escolher a concórdia. 
Não faltarão instantes em que o desânimo tentará nos envolver. Todavia, poderemos optar pela perseverança. É possível, ainda, que as sombras nos convidem para o futuro incerto. Porém, seremos livres para seguir a luz. Escolhe os que nos rodeiam, escolher às vezes magoa, mas são as nossas escolhas.
As circunstâncias não determinam, mas revelam quem nós somos.
Olho ao meu redor e vejo o resultado das minhas escolhas.
Todas elas têm ou tiveram alguma razão.
E, no centro delas, estou Eu!
Cada momento que eu tomo decisões, sei, que elas passam a ter um impacto directo na minha vida.
E, para cada decisão, existe uma razão ou uma emoção que pode ter sido pensada e ponderada, ou pode ter sido fruto de um impulso, tomado ao acaso. Ainda assim existe uma razão para isso.
É por isso que a razão da vida é tudo.
É por isso escolher de forma positiva é tão importante.
É por isso que ouvir o coração faz toda a diferença? Ou ouvir a Razão o fará? Ou metade de ambos?
Porque as minhas razões e as minhas emoções vão, implacavelmente, moldando a minha vida. Escolhas e mais escolhas, qual a correcta? Talvez pior mesmo é não ter escolha nenhuma...

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Favoritos