Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://cisosemjuizo.blogs.sapo.pt

"Louco? Loucos são os Loucos que me chamam Louco mas que não conseguem ver a genialidade da minha Loucura!"

http://cisosemjuizo.blogs.sapo.pt

"Louco? Loucos são os Loucos que me chamam Louco mas que não conseguem ver a genialidade da minha Loucura!"

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Linhas separadoras...

por Narciso Santos, em 03.08.17

Pois não deveria haver merda linha alguma e imperar sempre o bom senso, o problema reside mesmo neste facto, as pessoas hoje em dia não têm bom senso, logo a linha entre a estupidez humana e o bom senso é muito ténue...

Gosto quando me "enfiam" com resposta "por isso houve o 25 de abril" ou "vivemos em um país democrático", pois sim meus queridos vivemos mas esta merda  vivência faz com que compreendamos que de facto o 25 de abril nos trouxe uma série de direitos que antes não tínhamos mas ao mesmo tempo trouxe uma série de deveres (mas esta parte normalmente não interessa a ninguém...).

Estarmos em um estado de direito, em um estado de democracia não trás o direito a ninguém de vir para a praça pública (neste momento são as redes sociais) debitar merda  asneirada, insultos e o raio que os parta. Todo o mundo tem direito à sua opinião e afins desde que a mesma não vá contra o direito dos demais, desde que a sua opinião seja fundamentada e acima de tudo EDUCADA, mas todo o mundo hoje em dia escondesse atrás de um teclado e nem quer saber de nada e entra aqui o "doi a quem doer", e o disparate e começam a merda  dos "disparos" em todos os sentidos, sem qualquer sentido. Isto chega a ser tão rídiculo de alguém ser atropelado em pleno passeio, e em vez de culparem o condutor que estava numa picardia com uns amigos de carro, a culpa ser dos inocentes "que não deveriam andar na rua aquelas horas"; isto chega a ser tão rídiculo que coloca-se um post sobre um par de meias e no fim de 10 comentários já vai na mãe de não sei quem, pois... Aqui entra mesmo a Puta da Linha Separadora!

Gostava imenso que um destes tipos "democráticos" que destilam veneno atrás de um teclado fosse 1 mês viver para um país "democrático" onde eu trabalhei, pois é tão mas tão democrático que um simples colar de um panfleto dá direito a levar um tiro na cabeça, relembro que é um país "democrático"...

 A melhor coisa que nos aconteceu sem sombra de dúvidas foi a liberdade de expressão, foi podermos ter a liberdade de escolha, de escrita (por isso posso aqui escrever) mas isto não dá o direito a mim nem a ninguém de vir para aqui insultar A, B ou C sem mais nem menos, sem qualquer tipo de filtros, só porque sim.

Relembro uma coisa importante, a minha liberdade termina quando esbarra com a liberdade do outro, por isso, existe também uma linha que separa a minha liberdade dos demais, o problema reside em algumas pessoas não saberem onde começa a fronteira dos direitos e a fronteira dos deveres! 

Para finalizar gostaria de relembrar 2 coisas:

1 - Terceira lei de Newton (Sempre quis dar um ar científico aqui a este canto): "A toda ação sempre há uma reação de mesma intensidade e direção, porém sentidos opostos."

2 - Indo no sentido da Lei de Newton e na onda das "linha" quando comentarem têm em consideração que existe uma linha muito fininha, muito ténue entre o meu punho e a vossa cara, logo para os / as  idiotas esta linha poderá desaparecer!

 

 

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Favoritos